Skip to content

Poema – Simplicidade Amorosa

22/03/2010

Simples como te amar
É o céu observar
Seduzir-te, enlouquecer
Coração com força bater

Simples como te sentir
É a brisa do vento invadir
De graça meu coração
Esplandecendo tamanha explosão

Simples como te ter
É a loucura do meu ser
Com fogo me embebedar
Todo carinho e afago lhe dar

Simples como te ver
É o sonho que faz acordar
Contemplando o lindo amanhecer
A leve tarde e a noite chegar

Poema de Erik Santana

Retirado do livro Filhos da Noite

Compre ao livro, clicando aqui

Anúncios
One Comment leave one →
  1. Anderson Martins permalink
    29/03/2010 16:40

    Não gosto muioto de poesia, mas essa, dentro do contexto do livro ficou bem encaixada. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: